• -
  • -
  • -
  • -
  • -

A Violência no Namoro, muito embora seja uma problemática presente nas sociedades patriarcais, só há pouco tempo começou a ser encarada com maior atenção. Nos dias de hoje, é considerada como um problema de saúde pública e encontra-se na agenda política nacional e internacional. Esta constitui uma violência nas relações de intimidade e violência de género, resultado das relações desiguais de poder, em que uma das partes da relação, na maior parte das vezes o homem/rapaz, tenta impor a sua força submetendo a vítima a comportamentos de poder e de controlo.

Estudo Violência no Namoro2016 - UMAR (pdf)